Keywords: o que são e como definir as melhores

Atualizada: 2022-10-27
Keywords: o que são e como definir as melhores
Saiba como definir as keywords/palavras-chave do seu site para basear o seu SEO e classificar nas primeiras páginas do Google. Nesse guião completo, vai entender a importância da keyword, o que é long tail/ cauda longa, quais são as ferramentas utilizadas, incluindo a Keyword Research Tool, como funciona o algoritmo e muitas dicas para acertar na escolha e destacar-se nos motores de pesquisa.
Comece a ganhar dinheiro hoje.
Registe-se gratuitamente

Índice

Qualquer pesquisa que fizer no Google ou outros noutros motores de pesquisa, vai te apresentar vários resultados com base nas keywords relacionadas e toda a otimização para os mecanismos de pesquisa envolvida. Não é uma tarefa fácil, pois requer um conhecimento mais profundo do seu público e o que eles costumam pesquisar, alinhar-se com o conteúdo que faz mais sentido à sua estratégia.

Por isso, é fundamental entender como se dá esse processo, a importância de estabelecer as keywords corretas e usar ferramentas adequadas, sejam elas pagas ou gratuitas, como o keyword planner do Google. Entenda mais a fundo cada um desses aspectos e como deixar o seu conteúdo adequado para o seu público e, consequentemente, para os motores de pesquisa.

O que é uma palavra-chave

A definição de keywords, também chamadas de palavras-chave, é bem simples, apesar da complexidade em defini-las. Uma keyword é a palavra que retrata a intenção de um artigo, sendo assim a essência do mesmo. Toda a construção textual deve girar em torno dessa palavra e buscar temas correlacionados, porém, sem fugir da lógica central.

Para deixar essa definição mais tangível, pode imaginar as keywords como o tronco de uma árvore, cada keyword long tail como um galho ligado a esse tronco e a partir daí, vê-se os ramos e as folhas, que são os tópicos relacionados com elas. Ou seja, tudo vem das keywords, que sustentam e definem a escrita.

O que é uma palavra-chave

Fonte: Adobe Stock

As keywords podem ser usadas de várias formas, desde a definição do mapa semântico de um site, passando pela comunicação nas redes sociais e é claro, na otimização de artigos em blog posts ou páginas.

No mapa semântico, que é o conjunto de keywords que definem a temática do sítio, encontra-se a base para a estratégia de Inbound Marketing, tornando o planeamento mais robusto e com melhores resultados.

Se olhar por outro ângulo, as palavras-chave são os termos digitados nos motores de pesquisa, como o Google. Ou seja, o termo, composto por uma ou mais palavras, que carrega a dúvida ou intenção do utilizador. Saber como usar essas pesquisa na produção do seu planeamento vai te ajudar a ter uma boa posição, claro que se se aliar a outras técnicas de marketing de conteúdo.

Entenda a importância das palavras-chave

Muito além de ajudar a organizar o conteúdo estratégico do seu site, as keywords também são fundamentais para fazer com que o seu público o encontre. Caso esteja a perguntar-se o porquê de usar palavras-chave, é importante lembrar que elas são fundamentais para que o algoritmo do Google encontre o seu conteúdo na internet.

Os termos definidos como palavras-chave pelo autor são imprescindíveis para que o Google pesquise o seu texto através deles. Ou seja, o utilizador irá escrever uma das palavras-chave, com o intuito de encontrar o que ele deseja. Então, a partir da equidade entre o termo pesquisado pelo utilizador e a sua palavra-chave definida, o Google apresentará o seu artigo com base na keyword.

Portanto, é essencial que saiba definir as palavras-chave corretas para atingir o seu público-alvo, selecionando as que melhor correspondem com o seu mapa semântico.

Veja quais são os 4 tipos de palavras-chave

Na realidade existem três tipos de keywords e quatro intenções de palavras-chave. É importante que as  conheça todas para saber quando aplicar e ter melhores resultados com o material que está a escrever. Por isso, vamos compreender melhor aqui o que são essas tipificações e as suas aplicações.

Por tipificação

Segundo as tipificações, existem três tipos de palavras-chave. Entre elas estão a head tail, middle tail e long tail. Entenda melhor cada uma delas:

  1. Head tail: as Head tails são termos amplos. Ou seja, são keywords abrangentes com alto volume de pesquisas, de modo a que sejam amplamente pesquisadas por diversos internautas. Geralmente, resumem-se a 1 ou 2 palavras na keyword research. Por conseguinte, é importante notar o facto de que há grande concorrência para que essas palavras façam o artigo aparecer no topo da ferramenta de pesquisa. Desse modo, é essencial que o site saiba como utilizar de modo certo as palavras-chave, para alcançar o melhor classificação possível, através do SEO.

  2. Medium tail: as keywords Medium tail são moderadamente competitivas e não possuem tantos acessos quanto a Head Tail, tendo um volume de pesquisas menor. Afinal, esta categoria é mais específica, podendo ter também em torno de 2 a 3 palavras. Para contextualizar melhor, é importante compreender um exemplo de palavra-chave Medium tail. Musical Hamilton Broadway é um exemplo de palavra-chave Medium tail, de modo que tenha mais especificações do que apenas pesquisar Hamilton na internet, o que seria uma Head tail.

  3. Long tail: uma Long tail consiste em 3 ou mais palavras, de modo que seja um tanto mais específica, levando assim a um menor volume de pesquisa. Devido à sua grande especificidade, as keywords Long tail complementam o uso das outras categorias, não sendo necessariamente o enfoque da escrita SEO. Um exemplo prático de Long tail é "What Comes Next" musical Hamilton Broadway. Neste caso, o utilizador está a pesquisar uma música específica do espetáculo, o que não possui tanto volume de busca, porém, direciona a resultados mais específicos. Essa é a melhor escolha para delimitar sua audiência e perfeita para algumas estratégias de marca.

Por intenção

Existe também outra forma classificar as Keywords, baseando-se nas suas aplicações. As principais formas de aplicá-las é para fins comerciais, transacionais, informativos e de navegação. Vamos compreender um pouco mais sobre cada classificação:

  1. Comercial: a princípio, é importante saber que as keywords comerciais se centram, a priori, em serviços e vendas, tendo assim relação, principalmente, com marcas de produtos ou serviços. Há também uma camada mais profunda neste setor, de modo a que elas se encaminhem para um modelo de funil de vendas, levando a uma pesquisa específica.

  2. Transacional: as keywords transacionais são mais centradas em conteúdo de fundo de funil, quando a intenção é finalizar a venda. Assim, é importante para quando a pessoa deseja concluir uma compra.

  3. Informacional: as keywords informacionais também são muito importantes, já que elas atendem diretamente às necessidades de tirar dúvidas do utilizador. Afinal, está ligada a termos de interrogação, como: “para que” ou “o que”.

  4. Navegacional: utilizadas para quando o utilizador já sabe especificamente o que deseja, as keywords de navegação envolvem termos mais específicos. Como exemplo, o nome de um lugar, um site e afins.

Exemplos de palavra-chave

Agora que já sabe quais são os tipos de keywords, vamos mostrar-te na prática alguns exemplos, para deixar tudo mais claro. Confira na imagem abaixo:

keywords tipos e intencoes

Como pode perceber, por mais que a pesquisa seja similar, ela pode ser feita com detalhes que vão levar a resultados específicos. Por isso é fundamental fazer uma boa pesquisa de palavras-chave antes de planear e escrever o seu conteúdo.

Saiba como fazer pesquisa de palavras-chave na prática

Já tendo em mãos o seu mapa semântico, é hora de colocar a estratégia de conteúdo em prática. Para isso, precisa de transformar essas keywords head tail em partes menores, que possam gerar conteúdos interessantes para seu sítio.

Para isso, pode usar a keyword research no Google Trends, que é gratuita ou diversas outras ferramentas. Entenda melhor como usar o keyword research e o keyword planner.

Keyword Research Tool e Keyword Planner do Google

Para encontrar as keywords perfeitas para seu planeamento, invista o seu tempo na pesquisa e seleção de palavras-chave. Para te ajudar nisso, vamos mostrar rapidamente como utilizar a keyword research no Google Trends e o Keyword planner, também do Google - ambas gratuitas.

Vamos começar com uma primeira visão geral sobre o Google Trends, uma ferramenta gratuita que te ajuda a ter uma ideia mais ampla do que está a ser pesquisado.

Ela é mais indicada para uma fase inicial do seu planeamento de keywords, por não se aprofundar tanto quanto outras ferramentas. Por outro lado, é perfeita para dar uma visão geral do que está a acontecer em tempo real. Veja algumas capturas de tela que fizemos do Google Trends.

Essa é a tela inicial, onde pode escolher o país pesquisado e ver alguns temas a pesquisar, já sugeridos pelo Google. São keywords muito pesquisadas e que podem agradar a um público mais genérico.

google trends

Em seguida, encontra um relatório das keywords mais buscadas em 2021, que também pode ser analisado mais a fundo.

pesquisas do ano 2021

Mais abaixo, estão as pesquisas em alta no período determinado, com as keywords em destaque no momento da busca.

pesquisas em alta

Também encontra as principais buscas por keywords dos anos anteriores na página inicial, podendo comparar com o que aconteceu no mundo e no país.

pesquisas do ano

Para se entender melhor uma palavra-chave, pode digitá-la na área de pesquisa e ter alguns insights mais gerais.

termo de pesquisa

Outra ferramenta interessante no Google Trends é a possibilidade de comparar diversas keywords e ver como elas se comportam ao longo do tempo.

google trends comparar

Mais abaixo, encontra os assuntos e pesquisas relacionadas, que pode te ajudar a criar ideias de conteúdo para pilares no inbound marketing.

assunto relacionados

Apesar de ser uma ferramenta interessante, ela não se aprofunda muito nas keywords, precisando do suporte de outras para ter a delimitação desejada. Outra ferramenta interessante para ter essa visão geral é o keyword planner, também do Google. Vamos ver algumas capturas de tela também deste.

Utilizado para planejar campanhas no google, ele também pode ser útil para outros usos, como por exemplo, ter uma ideia mais geral das keywords pesquisadas. Tudo começa nessa tela inicial:

keyword planner nova campanha

Então escolhe o tipo de campanha pesquisa. Não se preocupe, pois não vai finalizar a programação da campanha, ok? Esse processo é apenas para dar uma orientação geral para a sua pesquisa.

keyword planner campanha

Pode digitar o seu site ou algum que seja referência na área que pretende abordar. Isso é importante pois o keyword planner vai gerar automaticamente as keywords relacionadas com ele, ajudando no seu planeamento.

nova campanha

Mantenha as duas opções habilitadas, para aumentar o campo de pesquisa. Isso faz com que as keywords sejam mais adequadas, tendo mais do que uma fonte de pesquisa.

keywords sejam mais adequadas

Escolha a região onde quer fazer a pesquisa, se somente em Portugal ou em todos os países falantes de língua portuguesa, por exemplo.

selecionar configuracoes de campanha

Pronto, agora já tem a sua lista de keywords preparada para ser analisada e aprofundada, utilizando outras ferramentas.

configurar grupos de anuncios

Se quiser, pode descer a tela e fazer uma nova pesquisa, colocando ao invés do site, as keywords que pretende pesquisar. Terá uma lista de palavras-chave relacionadas, para começar a aprofundar.

configurar grupos de anuncios keywords

Como pode perceber, tanto o keyword planner, quanto o Google Trends são ferramentas básicas, que vão te ajudar a ter um norte para a pesquisa. Veja quais são as outras ferramentas, com versão paga e outra de teste, que pode usar para fazer o seu planeamento de conteúdo:

  • Ubersuggest: perfeita para se aprofundar nas keywords e encontrar as de cauda longa
  • SEMrush: uma das mais conhecidas e utilizadas no mercado
  • RD Station: agrega diversas outras ferramentas de otimização de SEO
  • Keyword tool: também muito conhecida para a pesquisa de keywords
  • Moz: mais utilizada por agências ou grandes empresas

Como encontrar as melhores palavras-chave

Ao usar as ferramentas acima e outras similares no mercado, precisa de ter atenção a alguns pontos importantes antes de escolher com quais keywords vai trabalhar:

  • Competition: quanto maior for a competição, mais difícil será para classificar bem
  • Search volume: esse indicador mostra a popularidade das keywords, ou seja, se estão fazendo muitas pesquisas sobre ela
  • Cost per click: mostra qual é o custo por clique de um anúncio, indicando também a competitividade e força dessas keywords
  • Filtros: pode escolher filtros para se aprofundar na sua busca, seja por local, género, idade, dispositivos utilizados e muitos outros

Como encontrar as melhores palavras-chave

Fonte: Adobe Stock

Mas existem também outros pontos importantes a se analisar, que veremos a seguir.

Qual é a intenção do pesquisador

Ao fazer a sua pesquisa por keywords, deve preocupar-se não apenas com aspetos técnicos da pesquisa, mas também procurar colocar-se no lugar da pessoa e entender qual foi a intenção da pesquisa. Isto vai ajudar a abrir um leque de possibilidades na sua pesquisa de palavras-chave, deixando o seu conteúdo mais rico e adequado.

Descubra quais são as palavras-chave de cauda longa

Tendo utilizado a keyword planner para conseguir organizar e estruturar o conjunto de keywords mais adequadas, é hora de se aprofundar ainda mais. Pegue cada uma delas e refaça a pesquisa, encontrando assim as variações das pesquisas com essas palavras, as famosas palavras-chave de cauda longa.

Faça a correspondência de palavras-chave ao conteúdo

Com essas palavras na sua folha de cálculo, crie os pilares - ou seja, as keywords mais importantes para seu negócio ou site - e quais palavras estão ligadas a ela. Faça isso em camadas, criando redes de ideias, que serão transformadas em conteúdos interligados, dando início à sua estratégia de inbound.

Priorize as suas palavras-chave

Priorize suas palavras-chave

Fonte: Adobe Stock

Nesta pesquisa, vai encontrar muitas palavras-chave, então procure priorizar aquelas que sejam mais adequadas para o seu ramo, na fase inicial. Reserve as outras para usar depois, quando já tiver bastante conteúdo de maior relevância, dando mais notoriedade para o seu site, media social ou blog.

Definição do que são boas palavras-chave

Uma boa palavra-chave é aquela que tenha relação com o seu negócio ou site e reflita o que a sua persona procura. Não adianta escolher palavras com grande volume de busca, se elas não vão atrair o público certo. Dessa forma, escolha as keywords que tenham relação com a sua estratégia, fortalecendo assim a atração e retenção de tráfego.

Como funciona o mecanismo de pesquisa do Google?

Os motores de pesquisa, como o Google, utilizam algoritmos para identificar quais são as páginas mais adequadas para o que a pessoa está à procura. Desta forma, ela alia diversos fatores para indicar que página será mostrada primeiro. Para aparecer nas primeiras páginas do Google, deve ter atenção a alguns fatores, por exemplo, a velocidade do site, presença de um mapa e é claro a otimização de SEO.

Por que as palavras-chave são importantes para SEO?

A otimização dos conteúdos para os buscadores, o SEO, dá-se através de uma série de técnicas, mas tudo isso gira em volta das keywords. Elas são a base que irá sustentar todo o conteúdo e até a otimização da página, a fim de classificar melhor e disponibilizar o material para o público certo.

Por que as palavras-chave são importantes para SEO?

Fonte: Adobe Stock

Agora que já entende mais a fundo o que são as keywords e como encontrar as melhores no seu texto, é hora de criar a sua estratégia de conteúdo. Reúna-se com a sua equipa para realizar esse planeamento ou contrate uma agência especializada, como a WhitePress®, para deixar o seu conteúdo otimizado para os motores de pesquisa.

Os seus comentários (0)
Os editores da WhitePress têm o direito de remover comentários ofensivos que contenham palavras vulgares ou não se relacionem com o assunto em questão.

O administrador dos dados pessoais é WhitePress sp. z o.o., com sede em Legionów 26/18 Street, 43-300 Bielsko - Biała. Os seus dados pessoais são processados para efeitos de marketing da WhitePress sp.z o.o. e entidades interessadas em comercializar os seus próprios bens ou serviços. O objectivo de marketing da WhitePress sp.z o.o. inclui informação comercial sobre conferências e formações relacionadas com conteúdos publicados no separador Blog. A base legal para o processamento dos seus dados pessoais é a finalidade legítima prosseguida pelo Administrador e seus parceiros (Artigo 6 parágrafo 1 alínea f da GDPR). Os utilizadores têm os seguintes direitos: o direito de solicitar acesso aos seus dados, o direito de retificar, o direito de apagar dados, o direito de limitar o processamento e o direito de transferir dados. Pode encontrar mais informações sobre o processamento dos seus dados pessoais, incluindo os seus direitos, na nossa política de privacidade.

Ler tudo
  • Nenhum comentário sobre este artigo ainda.

O administrador dos dados pessoais é WhitePress sp. z o.o., com sede em Legionów 26/18 Street, 43-300 Bielsko - Biała. Os seus dados pessoais são processados para efeitos de marketing da WhitePress sp.z o.o. e entidades interessadas em comercializar os seus próprios bens ou serviços. O objectivo de marketing da WhitePress sp.z o.o. inclui informação comercial sobre conferências e formações relacionadas com conteúdos publicados no separador Blog. A base legal para o processamento dos seus dados pessoais é a finalidade legítima prosseguida pelo Administrador e seus parceiros (Artigo 6 parágrafo 1 alínea f da GDPR). Os utilizadores têm os seguintes direitos: o direito de solicitar acesso aos seus dados, o direito de retificar, o direito de apagar dados, o direito de limitar o processamento e o direito de transferir dados. Pode encontrar mais informações sobre o processamento dos seus dados pessoais, incluindo os seus direitos, na nossa política de privacidade.

Ler mais
Artigos recomendados