Copywriter: funções, cursos, salário e tudo sobre copywriting

Atualizada: 2022-11-07
Copywriter funções, cursos, salário e tudo sobre copywriting
Entenda o que é copywriting, suas funções, salários e os cursos básicos necessários para se tornar um copywriter. Aproveite para entender melhor cada detalhe da função nesse artigo completo, tire todas as suas dúvidas sobre o tema e aprenda um pouco mais sobre essa profissão que está cada dia mais passando por mudanças e adequações.
Comece a ganhar dinheiro hoje.
Registe-se gratuitamente

Conteúdo

Entenda o que faz um copywriter no marketing digital

O bom copywriter pratica a escrita estratégica

Escreve para redes sociais

Sabe se comunicar com o público-alvo

Produz conteúdo que converte

Planeja e executa o e-mail marketing

Produz landing pages

Escreve anúncios

Saiba quais habilidades você precisa para ser um copywriter

Quão difícil é se tornar um copywriter?

Entenda se copywriting é uma boa carreira para você

Como você se torna um copywriter

Escrita persuasiva

Storytelling

Inbound marketing

Quem é SEO-copywriter?

O que é SEO

Por que os copywriters devem usar o SEO

Como faço para começar a escrever?

Vídeo sobre como ser um copywriter

 

Se você quer iniciar na carreira como copywriter ou quer entender exatamente o que essa profissão significa, chegou no lugar certo. Nós preparamos um guião completo para profissionais e empresas que busquem entender o que é copywriting dentro do marketing digital, como está o mercado dicas para se tornar um copywriter.

Se engana quem pensa que copywriting é somente um conteúdo com o intuito de alavancar vendas. Um bom copy é fundamental para diversas áreas, levando à conversão, sendo ela um like, um comentário, responder a um questionário, visitar outro artigo ou qualquer outra ação que seja interessante para aquela etapa do planejamento.

Vamos entender melhor alguns dos papéis que o copywriter profissional assume ao longo do tempo e sua importância na estratégia de marketing digital.

Entenda o que faz um copywriter no marketing digital

Entenda o que faz um copywriter no marketing digital

Fonte: Envato Elements

A função do copywriter é produzir um conteúdo de alta qualidade, que informe e também ajude a converter. É importante lembrar que converter nem sempre significa vendas, mas uma gama diversa de ações. Basicamente é isso, o copy é aquele texto cujo objetivo é levar a uma ação, onde o redator compõe os textos de forma persuasiva, seja no corpo do e-mail, sites, cursos online ou qualquer outro meio.

Além de estar presente no marketing de conteúdo, o copywriting pode estar no mercado mais antigo, tradicional de publicidade. Você pode encontrar uma copy na vitrine da loja, no supermercado, em cartazes, na rádio e claro, também na televisão. Ele está em todos os meios de comunicação, sendo os que soam naturais são os mais eficazes.

Para conseguir uma escrita natural e eficaz, você precisa estudar muito, praticar bastante e revisar ainda mais. Aqui, nós vamos te mostrar como ter sucesso na carreira de copywriter profissional, com foco exclusivamente na produção de conteúdo estratégico online.

O bom copywriter pratica a escrita estratégica

Para escrever um copy de qualidade, não há como se desvencilhar da estratégia. Pensar cada etapa do texto vai fazer com que seu objetivo seja alcançado, por isso é fundamental seguir alguns passos antes de colocar as ideias no papel. Além disso, ao escrever com estratégia, você consegue se manter fiel ao tom e voz da empresa.

Muitas vezes, em equipes internas e sem muita estrutura, acontece de se desenvolver um certo volume de material, sem, porém, criar um elo entre as suas partes. Isso leva a uma dispersão do tema, menor alcance na rede e principalmente, resultados medianos. Para evitar esse problema, deve-se pensar de forma macro, inserindo assim a escrita ao contexto ao qual ela deve estar.

Ou seja, adequar tom, voz, estabelecer uma lógica entre os materiais divulgados nas mais diversas frentes e adotar um estilo de copywriting sustentável, vão te levar ao sucesso. Você encontra nos acervos da Universidade do Minho, um artigo sobre copywriting muito rico, que traz uma visão interessante da escrita em uma agência de publicidade.

Nele, você encontra uma observação importante, que relembra a necessidade de se adequar o estilo da escrita:

"O facto de ser necessário ajustar o estilo e, às vezes, a técnica do copywriting para diferentes redes sociais oferece ao copywriter liberdade para experimentar novas formas de se expressar verbalmente."


O estudo também lembra que "toda a escrita tem de comunicar efetivamente as ideias para a audiência.", ou seja, é fundamental adequar o tom, mas não se pode perder o foco no que é essencial: passar corretamente a mensagem e converter.

Escreve para redes sociais

O copywriter produz conteúdo para as mais diversas plataformas e formatos, seja online ou offline, porém é nas redes sociais que vemos o quanto ele se reinventa a cada dia. Desde as tradicionais fotos, com novos efeitos e mensagens, até vídeos curtos, que seguem trends temporárias e que trazem muito engajamento.

Trabalhar o copywriting nesses meios, que visam mensagens curtas, práticas e criativas, é um desafio interessante. Primeiro porque você deve estar à par do que está acontecendo nas redes e que agrada ao seu público-alvo. E não basta fazer uma pesquisa, isso deve ser feito em tempo real, para não perder a chance de engajar.

Dessa forma, muito além de escrever para as redes, sejam roteiros de vídeos ou textos copy para empresas, é necessário ser um heavy user desse conteúdo. Isso leva a um feeling mais apurado e respostas rápidas aos movimentos da rede. Isso mostra que o trabalho de copywriter vai muito além de escrever, precisando conhecer, experenciar, estudar e praticar muito.

Sabe se comunicar com o público-alvo

Se você trabalha em uma agência de publicidade ou em empresas com mais de uma persona, pode ser que precise adequar sua linguagem. Por isso, é padrão entre os copywriters que eles saibam se comunicar nos mais diversos estilos de textos, de forma que a capacidade de levar à ação seja sempre elevada.

Para isso, é fundamental conhecer bem cada persona - e como construir uma, além de adequar a comunicação a cada uma delas. Assim, os mais diversos conteúdos e formatos, seja um texto informativo ou anúncio, estarão de acordo com o que funciona para cada área.

É importante lembrar que para atingir o objetivo do texto - seja ele uma conversão para a oferta, curso, a venda de um produto ou até mesmo o consumo de outro conteúdo, é preciso desenvolver a empatia. Conhecer a persona e se colocar no lugar dela ajuda a converter, tanto quanto o uso das ferramentas mais famosas.

Produz conteúdo que converte

Todo bom copywriter precisa escrever sua copy com qualidade, a fim de conseguir a conversão, atingindo assim o objetivo das empresas. Diferentemente dos redatores tradicionais do marketing digital, o copywriter deve levar o leitor a ter a intenção de fazer determinada ação. Ou seja, vai muito além de informar, precisa também gerar um resultado específico.

Isso acontece em anúncios, descrição de produtos, direcionamento de clientes, finalização de algum serviço e muitas outras formas. A copy precisa ter a famosa call to action ou chamada para a ação, que é uma frase curta ou palavra, cujo objetivo é a execução de uma ação. Entre as ações possíveis nesses textos, estão o clicar, preencher, comprar, seguir, curtir, compartilhar e muito mais.

Planeja e executa o e-mail marketing

Outro papel do copywriter é cuidar dos textos dentro do e-mail marketing, deixando a mensagem das empresas profissional e, ao mesmo tempo, interessante. O redator publicitário pode prestar esse serviço de forma continuada, com um fluxo de nutrição ou por meio de serviços unitários.

O ideal é que se construa uma lógica por trás do envio das mensagens, de modo que seu produto ou serviço seja visto de fato. Isso porque, para gerar credibilidade e converter a ação, é preciso confiança no conteúdo enviado, nos profissionais que entregam o produto, curso ou serviços e a constância é um bom meio para tal.

Produz landing pages

As famosas landing pages ou páginas de vendas são puro copywriting aplicado. Com o único intuito de converter, ela é livre de estímulos externos e visa somente a ação do leitor para a empresa. Normalmente, vem com um formulário para preenchimento, transforamando processo mais simples.

Porém, é importante convencer o cliente a deixar seus dados no formulário, a fim de levar à ação. Para tanto, utiliza-se o copywriting, cada vez mais comum nas empresas. Ele constrói os textos de forma profissional, fazendo com que seus textos fiquem cada dia melhores.

Escreve anúncios

Como você já deve imaginar, escrever anúncios também é tarefa do copywriter. Ele é o responsável por fazer os textos comerciais da empresa, que serão divulgados nos mais diversos veículos, desde banners até roteiros de propaganda.

Ele pode também fazer scripts, roteiros de vídeos de vendas e atuar em lançamentos de produtos, cursos e serviços digitais. De facto, o trabalho de copywriters está presente em muitos textos que você nem imagina, principalmente se for bem desenvolvido.

Quem é o copywriter?

Primeiro de tudo, é importante saber que um copywriter é sim um redator, mas nem todo redator é um copywriter. Isso porque, as habilidades de escrita persuasiva são complementares ao portifólio profissional de um redator de conteúdo.

O copywriting possui uma série de técnicas e ferramentas que se diferem de outros tipos de escrita, fazendo uso dos gatilhos mentais, storytelling e outros recursos para alcançar o seu objetivo. Assim, o copywriter é o redator que se especializou em uma comunicação mais efetiva, focada em conversão.

Saiba quais habilidades você precisa para ser um copywriter

Para se tornar um escritor profissional, trabalhando para grandes empresas ou produzindo seus textos para clientes diversos, você precisa estudar muito. Além disso, a prática é fundamental para poder escrever corretamente. Veja quais são as principais habilidades que podem fazer de você um ótimo copywriter:

  • Poder de convencimento
  • Correcto uso das palavras
  • Habilidade em contar histórias
  • Conhecimentos em psicologia e neuromarketing
  • Conhecimento acerca do produto, curso ou serviço ofertado
  • Garantia de resultados digitais satisfatórios
  • Base técnica bem estruturada
  • Gostar de leitura e estar sempre em busca de crescimento

Quão difícil é se tornar um copywriter?

Para ser um copywriter não é difícil, é na realidade muito trabalhoso. Você precisa dedicar horas de estudo, prática, reescrita para começar a pegar o jeito. Também é importante ter algum mentor, para indicar os melhores caminhos para seu crescimento e dar aquelas dicas de ouro que só quem está no mercado conhece.

Então, se você gosta de estar sempre estudando, tem facilidade para receber feedbacks, gosta de lidar com diversas empresas e mais de um produto, se esforça de verdade, busca ir além e adora praticar, o copywriting é fácil de aprender.

Entenda se copywriting é uma boa carreira para você

Entenda se copywriting é uma boa carreira para você

Fonte: Envato Elements

Para ser um bom copywriter, não basta gostar de escrever, é preciso ter atenção a uma série de detalhes importantes. Entre eles, se você gosta de estudar muito, se tem adaptabilidade para escrever em diferentes tons e vozes, como lida com trabalho em equipe e feedbacks, se consegue seguir orientações mais rígidas e também atender a clientes completamente flexíveis, que entregam tudo em suas mãos e outros fatores.

Quando ao salário, um copywriter recebe mensalmente entre mil e dois mil euros, de acordo com os dados do Glassdoor. Já o Payscale, afirma que o salário anual varia entre 12 mil euros e 29 mil euros, o que está próximo do valor informado no outro site. Mas é importante lembrar que essas são médias colhidas em sites de emprego, o mercado pode pagar bem acima disso, a depender da sua senioridade.

Como você se torna um copywriter

Não existe apenas um caminho para se tornar um copywriter, pois muitos do que estão hoje nessa profissão, vieram de vários backgrounds diferentes, com vivências e jornadas únicas. Mas, se você pretende alcançar o sucesso, uma coisa é fundamental: estudo. Veja aqui quais são os tipos de cursos básicos que precisa fazer para dominar o copywriting.

Escrita persuasiva

No curso de escrita persuasiva, você vai aprender como utilizar uma linguagem que prenda a atenção do leitor e estimule a execução da ação esperada. Várias técnicas são abordadas ao longo desse curso, ajudando a estruturar sua escrita. Mas atenção, é importante sempre ter respeito ao equilíbrio entre o uso das técnicas aprendidas e o tom da marca para qual está escrevendo.

Storytelling

Joana não conseguia bons resultados nos seus anúncios e isso a deixava desacreditada de si. Foram meses de tentativa e nada de conversão, até ela perceber um detalhe minúsculo, que estava roubando seus leads...

Quer saber qual foi? Exatamente. Uma boa história, mesmo que curtíssima como essa, chama a atenção e deixa sua mente engajada, o que faz com que o leitor vá a até o final. Por isso o storytelling é tão importante para o copywriting.

Inbound marketing

Entender todo o processo de planejamento de conteúdo te dá uma visão mais ampla acerca do objetivo, ajudando assim a escrever com mais qualidade. Conhecer o projeto é importante, mas é ainda melhor quando você entende que todos os conteúdos estão interligados. Dessa forma, consegue ligar melhor os elementos, usar as keywords corretas e entregar um resultado melhor para o leitor e seu cliente.

Quem é SEO-copywriter?

Quem é SEO-copywriter?

Fonte: Envato Elements

E não tem como falar em inbound marketing e copywriting sem mencionar o SEO. A sigla se refere ao termo search engine optimization, ou seja, otimização para os mecanismos de busca. Os profissionais especializados em SEO e copywriting são muito valorizados no mercado, incrementando substancialmente o seu valor, o que significa salários maiores. Quanto mais você estuda e se prepara, melhores resultados vai alcançar.

O que é SEO

O SEO é um conjunto de técnicas e ferramentas que te ajuda a ranquear melhor o seu texto nos meios digitais. Ele aborda uma série de fatores que vão fazer com que seu conteúdo seja mais bem encontrado pelo Google e outros buscadores. É fundamental que você, como copywriter, procure aprender as principais técnicas de SEO.

Por que os copywriters devem usar o SEO

Todo copywriter deve ter em mente que escreve para um determinado público-alvo, mas principalmente, que há formas de fazer com que essa escrita chegue a ele mais facilmente. Não adianta ter uma copy matadora, se ninguém vai ler.

Como faço para começar a escrever?

Pratique, pratique muito. Comece escrevendo voluntariamente, sem cobrar, para criar seu portfólio e praticar o que aprendeu. Enquanto isso, vá criando sua rede de contactos, tanto na área de copywriting quanto com empresas, para buscar uma colocação profissional. Procure também por vagas freelancer de copywriter e tente encontrar um mentor, para te orientar no processo.

Tenha materiais de apoio, mesmo depois de já ter bastante experiência. Entre as opções possíveis estão o guia de estilo do seu cliente, normas gramaticais, dicionário virtual, checklists e mais. Para te ajudar, trouxemos um checklist para você usar depois de terminar a escrita, revisando o texto com qualidade e estrutura.

Como faço para começar a escrever?

Fonte: WhitePress®

Vídeo sobre como ser um copywriter

Para deixar o tema ainda mais claro e fixado, deixamos aqui um vídeo muito interessante sobre como ser um copywriter profissional, facilitando o seu trabalho de pesquisa no ramo:

Agora que você já sabe o que faz um copywriter, suas funções, como se tornar um, salário e como escalar nesse trabalho, deixe suas dúvidas e sugestões nos comentários e compartilhe o artigo com sua rede.

Os seus comentários (0)
Os editores da WhitePress tem o direito de remover comentários ofensivos que contenham palavras vulgares ou não se relacionem com o assunto em questão.

O administrador dos dados pessoais é WhitePress sp. z o.o., com sede em Legionów 26/18 Street, 43-300 Bielsko - Biała, os seus dados pessoais são processados para efeitos de marketing da WhitePress sp.z o.o. e entidades interessadas em comercializar os seus próprios bens ou serviços. O objectivo de marketing da WhitePress sp.z o.o. inclui informação comercial sobre conferências e formações relacionadas com conteúdos publicados no separador Blog. A base legal para o processamento dos seus dados pessoais é a finalidade legítima prosseguida pelo Administrador e seus parceiros (Artigo 6 parágrafo 1 alínea f da GDPR). Os utilizadores têm os seguintes direitos: o direito de solicitar acesso aos seus dados, o direito de retificar, o direito de apagar dados, o direito de limitar o processamento e o direito de transferir dados. Pode encontrar mais informações sobre o processamento dos seus dados pessoais, incluindo os seus direitos, na nossa política de privacidade.

Ler tudo
  • Nenhum comentário sobre este artigo ainda.

O administrador dos dados pessoais é WhitePress sp. z o.o., com sede em Legionów 26/18 Street, 43-300 Bielsko - Biała, os seus dados pessoais são processados para efeitos de marketing da WhitePress sp.z o.o. e entidades interessadas em comercializar os seus próprios bens ou serviços. O objectivo de marketing da WhitePress sp.z o.o. inclui informação comercial sobre conferências e formações relacionadas com conteúdos publicados no separador Blog. A base legal para o processamento dos seus dados pessoais é a finalidade legítima prosseguida pelo Administrador e seus parceiros (Artigo 6 parágrafo 1 alínea f da GDPR). Os utilizadores têm os seguintes direitos: o direito de solicitar acesso aos seus dados, o direito de retificar, o direito de apagar dados, o direito de limitar o processamento e o direito de transferir dados. Pode encontrar mais informações sobre o processamento dos seus dados pessoais, incluindo os seus direitos, na nossa política de privacidade.

Ler mais
Artigos recomendados